Prémio Professor Doutor Paulo de Pitta e Cunha 2017 entregue a Rita de Sousa Costa e Tiago Sérgio Cabral

O Prémio foi entregue no dia 19 de maio, às 18:00, na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

 

 

O júri manifesta grande satisfação pelo quantidade e qualidade de trabalhos submetidos à sua apreciação no âmbito da segunda edição do Prémio Professor Doutor Paulo de Pitta e Cunha, que confirmam que o interesse pelas matérias de integração europeia continua vivo e pujante entre nós, com as duas dezenas de candidaturas submetidas a concurso.
 
A escolha foi, por isso, difícil e diversos trabalhos mereciam ser escolhidos.
 
O júri, composto por Manuel Porto, Alessandra Silveira, Nuno Piçarra, Nuno Cunha Rodrigues, Miguel Sousa Ferro e Eduardo Paz Ferreira, decidiu atribuir o prémio a Rita de Sousa Costa e Tiago Sérgio Cabral, pelo trabalho A Crise Existencial da União Europeia: Ensaio em torno da realização do projecto europeu no quadro dos desafios geopolíticos e jurídico-institucionais actuais.
 
A entrega do prémio decorreu no dia 19 de maio, pelas 18:00, na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, juntamente com a inauguração da exposição Europa 60 anos - uma União cada vez mais estreita e com uma pequena sessão de debate sobre o estado da União Europeia.
 
A todos os candidatos deixamos uma palavra de estímulo para que prossigam a investigação e carreira académicas, felicitando, mais uma vez, pela magnífica qualidade dos trabalhos submetidos a concurso.
 
Vencedores Prémio Professor Doutor Paulo de Pitta e Cunha 2017
Voltar